13 de agosto: Greve Nacional da Educação

No dia 13 de agosto, professores/as, técnico-administrativos e estudantes vão parar o País, mais uma vez, em defesa da Educação Pública e Gratuita, contra os cortes orçamentários e contra a Reforma da Previdência. A Greve Nacional da Educação está sendo construída em unidade por entidades sindicais e movimentos estudantis.

A paralisação foi convocada inicialmente pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) e foi incorporada ao calendário do ANDES-SN durante o 64º Conad. A CSP-Conlutas e diversas outras centrais sindicais estão chamando a comunidade para aderir ao movimento. Raquel Dias, 1ª tesoureira do ANDES-SN, ressalta que o dia 13 de agosto é uma continuidade das lutas que estão sendo desenvolvidas no setor da educação básica e superior.

Ler mais

Entidades de representação da educação superior se unem para barrar o Future-se

Nesta quarta-feira, 07, diretoras do ANDES-Sindicato Nacional estiveram em reunião com entidades de representação do ensino público, na sede da Andifes, em Brasília, para definir estratégias com o objetivo de barrar o Programa Future-se, apresentado no início de julho pelo Ministério da Educação.

Durante o encontro, representantes do ANDES-SN apresentaram quatro pontos centrais do Future-se que colocam em risco o ensino público, gratuito, de qualidade e socialmente referenciado. A secretária-geral do ANDES-SN, Eblin Farage e a 2ª secretária, Jaqueline Lima, representaram a entidade no encontro.

Ler mais

Docentes de todo o país se mobilizam contra o Future-se e em defesa da Educação Pública e Gratuita

Desde a apresentação do programa “Future-se” – projeto do Ministério da Educação para privatização da Educação Pública e Gratuita – a comunidade universitária vem se mobilizando em todo o país realizando debates, assembleias e atos.

Docentes, estudantes e técnicos-administrativos têm se reunido para aprofundar o debate sobre o desmonte da Educação Pública Federal e as formas de luta para barrar esse projeto. Confira algumas das atividades já realizadas ou programadas pelas seções sindicais do ANDES-SN.

Ler mais

Docentes e estudantes são agredidos durante protesto pacífico em frente ao MEC

Docentes do ANDES Sindicato Nacional promoveram na tarde desta terça-feira, 16, panfletagem em frente ao Mistério da Educação. Os professores entregaram o “Manifesto em Defesa da Educação Pública e Gratuita” para reitores que estavam em Brasília aguardando para reunião com o Ministro da Educação, Abraham Weintraub.

O projeto apresentado aos reitores durante a reunião, intitulado Future-se, tem como objetivo o empreendedorismo e a inovação, em uma perspectiva ultraliberal e privatista. O presidente do ANDES-SN, Antonio Gonçalves, participou da panfletagem na entrada do ministério e destacou a importância das instituições se posicionarem contra este projeto, que é extremamente prejudicial para a educação. “Pelo o que já foi anunciado, o Future-se é um pacote que dá a opção para as instituições de ensino superior mudarem o caráter jurídico de autarquia para que possam ser administradas por organizações sociais. Ou seja, significa o rompimento com o caráter público dessas instituições, passando para a iniciativa privada a gestão e a forma de contratação. É a ampliação da privatização e da precarização da educação e do nosso trabalho”, avalia Antonio.

Ler mais

Ato ocupa Esplanada em defesa da Educação e da aposentadoria

Milhares de estudantes, trabalhadores e trabalhadoras de todo o País ocuparam a Esplanada dos Ministérios, em Brasília, para um grande Ato Nacional, na manhã desta quarta-feira, 12. O encontro aconteceu para reafirmar a luta contra a Reforma da Previdência e em Defesa da Educação.

O ato faz parte das atividades do 57º Congresso da União Nacional dos Estudantes (Conune) e, por ser um momento decisivo para os trabalhadores de todo o País, foi incorporado à programação do 64º Conselho do Sindicato Nacional dos Docentes de Instituições de Ensino Superior (ANDES-SN).

Ler mais

Ato unificado será no dia 12 de julho, em Brasília

Centrais sindicais de todo o país vão intensificar as mobilizações contra os cortes nos orçamentos de universidades, institutos e Cefets e contra à Reforma da Previdência nos meses de julho e agosto. Na última sexta-feira (28), as entidades definiram a continuidade do calendário de luta e reforçaram a importância da realização de assembleias nas bases de todas as categorias de trabalhadoras e trabalhadores do país.

Ler mais

SERVIDORES PÚBLICOS CONTRA O DESMONTE DO ESTADO BRASILEIRO

As associações e sindicatos abaixo assinados vêm conjuntamente repudiar a atuação do governo federal contra as instâncias e protocolos de validação técnico-científica e de governança de programas de órgãos do Estado Brasileiro. São diversos os fatos ocorridos nos últimos tempos que demonstram que o governo atual desconsidera as evidências empíricas e decisões técnicas em prol de uma politização/ideologização do debate.

A alteração/redução do questionário do Censo Demográfico e as mudanças na metodologia de coleta às vésperas de sua realização representam um grande risco à qualidade dos dados censitários. O Censo Demográfico é fundamental para a produção de estatísticas municipais tão necessárias para a formulação de políticas públicas. Atualmente, as mudanças estão sendo conduzidas desconsiderando os protocolos de validação e a qualidade técnica do trabalho dos funcionários do IBGE, que são referência na comunidade internacional de estatística.

Ler mais

Comissão Diretora é constituída em Assembleia do SIND-UEA em 24/06/2019 para convocar eleição e nomear Diretoria para o novo biênio 2019-2021.

Face à ausência de chapas concorrentes ao edital publicado em 09 de abril de 2019, a Diretoria Executiva do SIND-UEA convocou Assembleia geral realizada no dia 24/06/2019 e, com base no parágrafo 3º do artigo 39 do Regimento do SIND-UEA, foi constituída Comissão Diretora para no prazo de 60 dias, a contar do fim da Gestão da atual diretoria, convocar eleições e dar posse à uma nova Diretoria para o Biênio 2019-2021.

Ata:

ATA SIND-UEA 24 JUNHO 2019

Relatórios:

RELATÓRIO 2019_AÇÕES JUDICIAIS

RELATÓRIO_AÇÕES_MOBILIZAÇÕES_JUL_2017_JUNHO_2019

 

 

Deputados iniciam discussão sobre substitutivo da PEC da Reforma da Previdência

A Câmara dos Deputados iniciou nesta terça-feira (18) a discussão do substitutivo à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 06/2019, apresentado pelo Relator da PEC 6/2019, deputado Samuel Moreira (PSDB/SP). O debate na Comissão Especial da Reforma da Previdência se dá alguns dias após a greve geral que parou o país, na última sexta (14), em defesa da Previdência Pública e do direito à aposentadoria.

O parecer traz algumas alterações positivas no texto original da Reforma. Suprime, por exemplo, todas as referências ao regime de capitalização da previdência. O texto cancela alterações nas regras do Benefício de Prestação Continuada (BPC) e garante a aposentadoria com idade mínima de 60 anos para homens, 55 anos mulheres e também para trabalhadores do campo que exerçam suas atividades em regime de economia familiar.

Ler mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA

Nos termos regimentais, a Diretoria Executiva do SIND-UEA convoca todos os seus sindicalizados para Assembleia Geral extraordinária, a realizar-se no dia 24/06/2019, às 16:00 horas, na sala José Braga, Escola Normal Superior (ENS), da Universidade do Estado do Amazonas-UEA, localizada na Av. Djalma Batista, nº 2470 , Chapada, CEP 69050-010, nesta cidade de Manaus/AM, em primeira convocação, havendo quorum de 5% dos sindicalizados, ou às 16:30, em segunda convocação, com qualquer número de sindicalizados presentes, para o fim de deliberarem sobre a seguinte ordem do dia:

Pauta:

Informes:

1. Prestação de contas da Diretoria do SIND-UEA biênio 2017-2019;

2. Constituição de Comissão Diretora Provisória (Nos termos do parágrafo. 3º, do Art. 39, do Regimento do SIND-UEA).;

Manaus/AM, 22 de junho 2019

Baixar pdf da convocação